asdfdf

Farmacovigilância

Para a Organização Mundial da Saúde, a Farmacovigilância é definida como a ciência e atividades relativas à detecção, avaliação, compreensão e prevenção de eventos adversos ou qualquer problema relacionado com medicamentos.

O que é evento adverso?

Qualquer ocorrência médica não intencional em um paciente que recebeu um medicamento e que pode ou não ter sido causada pelo tratamento com esse medicamento. Evento adverso, portanto, pode ser qualquer sinal não intencional e desfavorável, sintoma ou doença associada ao uso do medicamento.

Questões relevantes para a Farmacovigilância:

  • Suspeita de reações adversas a medicamentos;
  • Eventos adversos por desvios da qualidade de produtos farmacêuticos;
  • Erros de medicação potenciais e reais;
  • Inefetividade terapêutica;
  • Eventos adversos do uso de fármacos para situações não aprovadas (Ex. indicação, população, etc)
  • Intoxicações relacionadas a medicamentos;
  • Interações medicamentosas;
  • Uso abusivo de medicamentos;

A Farmacovigilância da UCB tem a responsabilidade de detectar, avaliar, notificar às Autoridades Regulatórias, quando aplicável, e acompanhar os eventos adversos que ocorrem com o uso de medicamentos ainda em fase de desenvolvimento e após a comercialização, de forma a garantir a segurança dos pacientes e contribuir com a avaliação de risco-benefício dos medicamentos. Por isso, ao receber qualquer informação que possa ser considerada um evento adverso, entre em contato com a UCB preenchendo o formulário abaixo ou pelos canais: SAC: 0800 166 613 | E-mail: sac@ucb.com

Formulário de Suspeita de Evento Adverso a Medicamento

Os campos marcados com asterisco(*) são de preenchimento obrigatório.

Dados do Paciente

Sexo
Lactante

Medicamento suspeito

Medicamentos concomitantes

Não mencione os usados para tratamento da reação

Medicamento 1

Medicamento 2

Medicamento 3

Medicamento 4

Medicamento 5

Descrição da reação adversa

Se o paciente ainda não se recuperou, preencha o campo 'Data do fim da reação' com um traço.

Doenças concomitantes

Concomitant diseases
Alergia ou outras reações prévias ao medicamento?

Evolução

A reação causou óbito?
A reação causou internação?
A reação prolongou a internação?
A reação implicou em risco de morte?
A reação desapareceu/melhorou após a retirada do medicamento?
A reação desapareceu/melhorou com ajuste de dose?
A reação reapareceu após reintrodução do medicamento?
Utilizou algum medicamento para tratar a reação?

Dados do notificador primário

(Profissional de Saúde)

Categoria profissional